Garrafa de Lágrimas

Se eu for embora de mim
te mando o endereço,
te mando o contexto
da vinda e do fim.
Pode ser que eu volte
e revolte e retorne de novo
insistindo em olhar de novo e renovo.
Misturança de semelhança.
Suas pegadas são marcas amargas
de véu e grinalda
na porta de entrada do meu coração,
que por fim se fechou e de roxo pintou
a esperança de mim.
Se sob o orvalho sinto
o retalho de uma história sem fim,
repico de vermelho todo o espelho
da ausência de ti.

(por Patricia Ferreira)

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s